Como melhorar a taxa de conversão das minhas landing pages?

Abstract vector illustration of landing page flat design concept.

As landing pages são as portas de entrada do seu site para os visitantes e, quando bem desenvolvidas, podem maximizar radicalmente a taxa de conversão. O contrário também é verdade: uma página mal desenvolvida pode fazer seu site perder muitos potenciais clientes.

Por isso, vamos mostrar formas de como você pode melhorar as conversões de suas landing pages e apresentar um exemplo prático.

Elementos essenciais de uma landing page

Veja a seguir alguns elementos imprescindíveis para que sua página converta mais.

Call to action bem posicionado

Após passar algum tempo em seu site, o visitante precisará tomar uma decisão. É nesse ponto que sua landing page deve ser precisa. Os botões call to action (CTA) devem ser visíveis para o usuário, sempre bem destacados.

Um equívoco comum em muitos sites é ter mais de um botão CTA, o que obriga o usuário a tomar uma decisão, diminuindo as conversões desejadas. Por isso, tenha apenas um botão ou formulário e dê bastante destaque a ele.

Títulos descritivos

Outro erro comum é usar títulos vagos e que não explicam o que o negócio faz. Títulos como “Bem-vindo ao futuro da comunicação” costumam não funcionar tão bem quanto aqueles que descrevem propriamente o que o negócio faz, como “Conheça o app de comunicação mais fácil e prático do mundo”.

O objetivo dos títulos é fazer com que o visitante saiba do que se trata o site em questão de segundos, além de persuadi-lo para descobrir mais. Lembre-se: o usuário tem pressa, então, facilite o trabalho dele. Caso contrário, ele não hesitará em clicar no botão “voltar” do navegador.

Equilíbrio entre textos e imagens

Na web, as pessoas não gostam de ler grandes textos e procuram, em uma primeira olhada na página, por elementos que chamem atenção. Por isso, uma landing page eficiente precisa ter um bom equilíbrio entre textos e imagens.

Ao explicar o funcionamento de sua empresa, adicione alguns infográficos ou figuras que ilustrem o processo, em vez de explicá-lo. Se vender algum produto, coloque fotografias em vez de apenas descrições. Lembre-se de que dificilmente um visitante vai gastar muito tempo lendo o seu conteúdo.

Páginas longas x páginas curtas: que tipo converte mais?

Há muito debate sobre o tamanho ideal de uma landing page. Alguns acreditam que ela deve ser breve e objetiva. Já outros defendem que ela precisa ser detalhada, pois dúvidas do usuário podem atrapalhar a decisão de compra.

Qual seria, então, o tipo correto? A resposta para essa pergunta é bem simples: depende da situação da empresa. Ambos os tamanhos de página são capazes de gerar conversões, e o fator decisivo para escolher qual modelo utilizar deve compreender a complexidade daquilo que a empresa oferece e o tempo de mercado do negócio.

Por exemplo, se os seus serviços ou produtos são difíceis de explicar em poucas palavras e sua empresa é nova no mercado, o ideal é construir a confiança do usuário aos poucos. Assim, uma landing page maior, com seções bem definidas, pode ser uma boa solução.

Case de landing page eficaz

Um bom exemplo de landing page otimizada é a que o site da UOL desenvolveu para apresentar os seus serviços de internet Wi-Fi. A página contém todos os elementos essenciais de uma boa landing page. Veja:

  • O título descreve o serviço, ajudando na assimilação imediata do usuário;
  • Há um equilíbrio entre imagens e textos, em que o serviço é explicado de maneira fácil e breve;
  • O botão call to action está bem destacado na página.

Já que essa landing page é construída com base em boas práticas, pode-se dizer que ela está otimizada para receber muitas conversões.

Agora que você já sabe como maximizar as taxas de conversão de suas landing pages, que tal receber mais conteúdos como o deste post? Assine nossa newsletter!

Precisando de um Agência de Marketing Digital?
Conheça a Ynusitado Digital Marketing Intelligence